Seguindo as orientações da Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e especialistas, que recomendam a quarentena, inclusive para os jovens, a fim de evitar o ciclo de contaminação do vírus e que a doença chegue aos grupos de riscos, como idosos e doentes crônicos, Caldas Novas se mantém firme, em respeito ao decreto do Governo de Goiás e Prefeitura Municipal.

Acompanhe o que a Dra. Gislene Cotian, especialista em epidemiologia diz sobre as ações no município!