Secretaria de Saúde alerta para hipertensão no dia nacional de combate à doença

Categoria: Notícia, Saúde

Somente no ano passado, foram realizadas 53.668 aferições de pressão nos postos de saúde de Caldas Novas

hipertensao-620x322

O Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial, comemorado no dia 26 de abril, visa alertar a população a respeito dos perigos causados pela hipertensão arterial, popularmente conhecida como pressão alta.

Uma pesquisa recente do Ministério da Saúde mostra que o brasileiro está cada vez mais hipertenso. A doença mata 300 mil brasileiros anualmente, sendo 820 mortes por dia, 30 por hora ou uma a cada 2 minutos.

O controle e o tratamento da hipertensão fazem parte das ações de rotina da Secretaria de Saúde de Caldas Novas. A principal iniciativa é o Programa Hiperdia, que atualmente soma quase mil pacientes cadastrados.

De acordo com informações da diretora do Nasf – Núcleo de Apoio à saúde da Família, Lívia Serpa, somente no ano passado, foram realizados nos postos de saúde do município 7.900 acompanhamentos de pacientes hipertensos, com 53.668 aferições de pressão arterial.

No Hiperdia, que são encontros periódicos com a população, realizado em dias específicos, a farmacêutica do Nasf, Daniela Caetano, explica que são passadas orientações sobre os medicamentos, sobre alimentação saudável, saúde emocional e feita também uma rotina de prevenção com atividades físicas. “Com essas atividades, procuramos ensinar os pacientes a ter uma maior qualidade de vida e conviver melhor com essa enfermidade”, afirma a Dra. Daniela.

A hipertensão é considerada uma doença silenciosa já que, muitas vezes, seus sintomas são confundidos com desconfortos corriqueiros. As manifestações mais comuns são: dor de cabeça, cansaço e/ou tonturas.

Cinco maneiras de prevenir a hipertensão
1. Reduza o consumo de sal nos alimentos, assim como preparações gordurosas;
2. Pratique regularmente exercícios físicos, pelo menos 20 minutos de caminhada diária;
3. Evite o consumo excessivo de álcool e, preferencialmente, não fume;
4. Faça aferições de pressão a cada seis meses, principalmente se há histórico de hipertensão na família;
5. Minimize as situações de estresse, pois hábitos relaxantes melhoram a qualidade de vida.
Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de Caldas Novas

Deixe uma resposta