Premiação é uma iniciativa do Programa Agrinho do setor de políticas rurais do estado de Goiás

Duas alunas da rede municipal de educação de Caldas Novas foram contempladas pela premiação do programa Agrinho 2016, na última quarta-feira, 14 de dezembro em Goiânia. Ana Julia, da Escola Municipal Felipe Marinho e Hariane Vitória, da Escola Municipal Celina Belo, receberam das mãos do presidente do Sistema FAEP/SENAR-GO, José Mario Schreiner, os prêmios, por desenvolverem textos sobre ‘Água: preservação e uso no campo e na cidade’.

As professoras Georgeane Rocha Nascimento (Escola M. Felipe Marinho) e Nair Santos (Escola M. Celina Belo) orientaram as alunas nas categorias poesia e redação respectivamente. Ambas também receberam a devida premiação e foram homenageadas.

Participaram também da cerimônia de entrega da premiação, diretoras, coordenadores da Secretaria Municipal de Educação e pais das alunas. A solenidade contou com a presença de mais de 1.000 convidados entre alunos e professores finalistas, familiares, autoridades e lideranças rurais.

Para o presidente  do Sistema FAEP/SENAR-GO, José Mario Schreiner, o programa tem um compromisso social com a educação, pois esta preocupação reflete no futuro do campo. “O grande objetivo do Programa Agrinho é ajudar a escola a formar um cidadão consciente, para que o nosso país encontre no futuro o seu caminho para o desenvolvimento”, resumiu o presidente.

O Programa Agrinho, em sua 9º edição no Estado de Goiás, é a principal ação de responsabilidade social do Sistema FAEG/SENAR-GO. Ele tem como objetivo promover nas salas de aula a discussão e a reflexão sobre temas transversais como saúde, cidadania e meio ambiente. O programa envolve a cada ano cerca de 1 milhão alunos e 80 mil professores da educação infantil, ensino fundamental e educação especial, das redes pública e particular.