Redação de alunas da rede municipal são premiadas em nível estadual

Categoria: Educação, Notícia

Premiação é uma iniciativa do Programa Agrinho do setor de políticas rurais do estado de Goiás

 redacao-de-alunas-da-rede-municipal-sao-premiadas-em-nivel-estadual-3foto-marcia-nunes

Duas alunas da rede municipal de educação de Caldas Novas foram contempladas pela premiação do programa Agrinho 2016, na última quarta-feira, 14 de dezembro em Goiânia. Ana Julia, da Escola Municipal Felipe Marinho e Hariane Vitória, da Escola Municipal Celina Belo, receberam das mãos do presidente do Sistema FAEP/SENAR-GO, José Mario Schreiner, os prêmios, por desenvolverem textos sobre ‘Água: preservação e uso no campo e na cidade’.

As professoras Georgeane Rocha Nascimento (Escola M. Felipe Marinho) e Nair Santos (Escola M. Celina Belo) orientaram as alunas nas categorias poesia e redação respectivamente. Ambas também receberam a devida premiação e foram homenageadas.

redacao-de-alunas-da-rede-municipal-sao-premiadas-em-nivel-estadual-1sfoto-marcia-nunes

Participaram também da cerimônia de entrega da premiação, diretoras, coordenadores da Secretaria Municipal de Educação e pais das alunas. A solenidade contou com a presença de mais de 1.000 convidados entre alunos e professores finalistas, familiares, autoridades e lideranças rurais.

Para o presidente  do Sistema FAEP/SENAR-GO, José Mario Schreiner, o programa tem um compromisso social com a educação, pois esta preocupação reflete no futuro do campo. “O grande objetivo do Programa Agrinho é ajudar a escola a formar um cidadão consciente, para que o nosso país encontre no futuro o seu caminho para o desenvolvimento”, resumiu o presidente.

O Programa Agrinho, em sua 9º edição no Estado de Goiás, é a principal ação de responsabilidade social do Sistema FAEG/SENAR-GO. Ele tem como objetivo promover nas salas de aula a discussão e a reflexão sobre temas transversais como saúde, cidadania e meio ambiente. O programa envolve a cada ano cerca de 1 milhão alunos e 80 mil professores da educação infantil, ensino fundamental e educação especial, das redes pública e particular.

Deixe uma resposta