Prefeitura e Hospital N. Senhora Aparecida anunciam UTI em Caldas Novas credenciadas pelo SUS para 2017

Categoria: Notícia, Saúde

O atendimento será feito por equipe médica especializada com equipamentos de última geração só disponibilizados em grandes centros do país

aparelhos-de-uti-em-caldas-novas-estao-entre-os-mais-modernos-do-pais

O prefeito de Caldas Novas, Evandro Magal (PP) e o vice-prefeito, médico e Diretor do Hospital Nossa Senhora Aparecida Dr. Fernando Resende (PPS), anunciaram hoje, 3 de janeiro, conclusão física das obras de implantação da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Caldas Novas.

A iniciativa, que contou com investimentos superiores à R$20 milhões, é uma parceria entre a Prefeitura Municipal de Caldas Novas, Hospital Nossa Senhora Aparecida e investidores privados.

Em vídeo ao vivo divulgado nas redes sociais, foi mostrado que a unidade contará com tecnologia de ponta, disponível apenas em grandes centros do país. Além de um centro cirúrgico com salas amplas, a UTI foi implantada de forma humanizada e acolhe também aos acompanhantes.

São 20 leitos totalmente equipados, com atendimento individual e globalizado (cada leito tem sua autonomia). De acordo com a demonstração do médico Fernando Resende, há leitos em sistema de isolamento, para atender aos pacientes que, por recomendação médica, precisem ficar separados dos demais.

20-leitos-de-uti-em-caldas-novas-estao-prontos-para-serem-credeciados

Credenciamento

Depois de finalizado a construção e a aparelhagem dos leitos de UTI em Caldas Novas, há o processo administrativo do credenciamento dos leitos no Sistema Único de Saúde. O objetivo é garantir que as unidades funcionem para atender aos pacientes pela rede pública e também pela rede particular.

O prefeito Evandro Magal ressaltou a importância da obra para Caldas Novas. “Essa conquista não é um ato político, é um ato humanitário. Foram 4 anos de luta, e estamos muito felizes. É um grande sonho para Caldas Novas. Já está sendo feito o recrutamento da equipe médica, que precisa ser especializada, com cursos próprios. A próxima etapa será o credenciamento, que nós também já estamos correndo atrás junto ao Ministério da Saúde e a previsão é de que até o fim deste mês, já esteja tudo funcionando, para atender o SUS e outros convênios”, explicou o prefeito.

O médico Fernando Resende disse que a parte final, de credenciamento, terá aproximadamente 40 dias de execução até a conclusão.

“Depois desta etapa, os pacientes serão 100% bem assistidos. Nós estamos cumprindo todos os requisitos e para mim é uma satisfação pessoal e profissional. A partir de agora, a população vai poder contar com especialidades de alta complexidade. Nossa próxima etapa será a parte de Hemodinâmica, e em pouco tempo ao paciente não precisará mais sair da cidade para buscar atendimento.” explicou Dr. Fernando Resende, médico e Diretor Clínico do Hospital Nossa Senhora Aparecida.

Além dos procedimentos técnicos, no Ministério da Saúde e na Secretaria Estadual, há emendas do Orçamento disponibilizadas pelos deputados aliados de Caldas Novas, como o estadual, Marco Aurélio Palmerston (PSDB) e o federal Marcos Abrão (PPS).

Deixe uma resposta