Prefeitura declara estado de emergência no serviço de abastecimento de água

Categoria: Meio Ambiente, Notícia

Abastecimento termal não fica comprometido por poços autorizados por Lei Federal. Distribuição para a população vem do Rio Pirapitinga, que está em estado de alerta

WhatsApp Image 2017-09-20 at 16.28.11

A Prefeitura de Caldas Novas declarou estado de emergência no serviço de abastecimento de água. O Decreto Nº 1.087/2017 foi assinado nesta semana e elaborado pela Procuradoria Geral do Município, com base nos relatórios e análises feitos pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMMARH) e o Departamento Municipal de Água e Esgoto (DEMAE).

Adecisão está apoiada nas informações contidas em documentos anexos ao decreto, em virtude da calamidade que se encontra o nível do principal Rio que abastece o município, o Pirapitinga. De acordo com o SEMMARH, não chove há mais de 100 dias em Caldas Novas e seus mananciais.

A partir da publicação do decreto, com validade para 120 dias, fica declarado estado de emergência. O objetivo é evitar um possível colapso hídrico, que afetaria diretamente a população. Medidas como orientação e fiscalização serão tomadas, assim como sanções à quem descumprir as instruções do SEMMARH.

Fica a cargo do DEMAE a responsabilidade pela execução de ações de assistência à população, como operação de carro-pipa e outros, além de outras atividades voltadas para o restabelecimento do fornecimento de água. Como obras, serviços de instalação de sistemas simplificados de abastecimento, montagem de adutoras de engate rápido.

A Prefeitura de Caldas Novas esclarece que o abastecimento das piscinas são bombeados através de poços. A extração é autorizada pelo Departamento Nacional de Produção Mineral – DNPM. O órgão promove o planejamento e o fomento da exploração mineral e do aproveitamento dos recursos minerais, no país.

Fonte: Secretaria de Comunicação de Caldas Novas

WhatsApp Image 2017-09-20 at 16.28.14

Fonte: Secretaria de Comunicação de Caldas Novas

Deixe uma resposta