Especialistas em controle de tráfego aéreo realizam palestra sobre a Zona de Proteção do Aeroporto de Caldas Novas

Categoria: Notícia
O objetivo é conscientizar sobre as construções que afetam a segurança das operações aéreas no município
Palestra Cindacta Espaço Aereo de Caldas Novas (3)
A Secretaria de Obras e Habitação de Caldas Novas convida a população para participar da Palestra de Conscientização sobre as obrigações referentes a Zona de Proteção do Aeroporto Nelson Ribeiro Guimarães (SBCN).
A ação será conduzida pelos especialistas em controle de tráfego aéreo, Ten. José Pereira e Ten. Patrick William, que são Oficiais do Cindacta I.
A atividade será aberta ao público e vai acontecer no dia 30 de janeiro, à partir das 08h no Centro de Convenções da Rodoviária, na sala Ipê Roxo.
Segundo a Secretaria, o objetivo é demonstrar, em conjunto, o Plano básico de proteção do aeródromo. Esse documento delimita, num raio de 15km, o tamanho das construções que podem ser feitas próximas do campo de aviação do município para que não afetem o trajeto utilizado pelas aeronaves durante os procedimentos de pouso e decolagem.
De acordo com o Secretário de Obras e Habitação, Helder Veríssimo, o papel do município é fiscalizar e não permitir essas obras irregulares. “Caso ocorra uma construção que ultrapasse esse limite, o aeroporto pode ser penalizado com redução do tamanho da pista, o que limita os tipos de aeronaves que poderiam realizar operações no local. É por isso que a Secretaria está fiscalizando e coibindo construções que afetem esse espaço aéreo, entorno do aeroporto”, explicou.
Essa ação é baseada na Portaria nº 957/GC3 do Comando da Aeronáutica, que dispõe sobre as restrições aos objetos projetados no espaço aéreo que possam afetar adversamente a segurança ou a regularidade das operações aéreas.
Fonte: Secretaria de Comunicação de Caldas Novas (Secom)

Deixe uma resposta